domingo, 20 de abril de 2008

O que eu mais gostei na vida?... Acho que foi de você.


Cruel pra ser legal, na medida certa
Cruel pra ser legal, é um bom sinal
Cruel pra ser legal, significa que eu te amo baby
Tenho que ser cruel pra ser legal
Significa que eu já te amo




Você é bom demais para ser verdade
Não consigo tirar meus olhos de você
Não me deixe triste, eu rezo
Agora que eu te encontrei, fique
E me deixe amá-lo
Oh baby, deixe-me amá-lo


Agora que eu te encontrei, fique mais um pouco.






Te odeio tanto que até me sinto doente...
Odeio como está sempre certo e
Odeio quando você mente...
Odeio quando me faz rir muito e mais ainda quando me faz chorar...
Odeio quando não está por perto, e o fato de não me ligar,
Mas mais que tudo,
Odeio não conseguir te odiar,
Nem um pouco, Nem por um segundo.
Nem mesmo só por te odiar.


Açucarando os sonhos.

8 comentários:

Super Nada disse...

Hummmm...
Acho que já ouvi algo parecido com isso em algum lugar...
É alguma música?

Lorita disse...

Isso dá samba viu? rs...

Bjm

Mary disse...

Eu também vi o filminho de novo ontem... Só o final, mas a poesia (com o choro e tudo) é uma das mais lindinhas que eu conheço!
Passa lá no meu blog que eu deixei uma tarefinha pra tu, tá? ;)
Beijinhos.

Lih disse...

a blogosfera anda em clima apaixonado, meu deus.
^^

beijão, toop.

Livros e Revistas disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Livros e Revistas, I hope you enjoy. The address is http://livros-e-revistas.blogspot.com. A hug.

Mary West disse...

Achei tudo lindo, quero sentir isso, tomara q naum morra antes de sentir algo assim tb.

O Profeta disse...

No emcanto das tuas palavras voei...


Doce beijo

Diva disse...

Hummm... isso sim e vida.
Bjs meus