sábado, 12 de janeiro de 2008

Querido Diário



Hoje é sábado... dia doze de Janeiro de 2008.
Bem vindo a minha mente meu querido! Sinta-se a vontade para vasculhar o meu passado, acompanhar o meu presente e torcer pelo nosso futuro. Sinta-se em casa.
Hoje é sábado, dia fatídico e estranho da semana...onde se abrem mil opções, cada opção com milhares de finais e cada final tendo o seu próprio personagem principal...
Abra seu leque querido... mil opções e eu desejo que agarre uma e seja feliz, você e seu final feliz.
XII-II-MMVIII (números romanos é algo bem inútil para se saber, aprendi quando tinha cinco anos e não esqueço nem com reza).
Sábado.. as lacunas abertas, não pisque os olhos se não você vai cair... não quero perder você... só hoje.
Hoje, só hoje, não queria ter perdido você para o destino. Aqueles gráfico e esquemas conspirando contra todos, principalmente contra nós... só hoje não.
...
"To sentindo como se a cada segundo alguém estivesse me dando uma estocada no fígado....
como se eu estivesse perdendo algo muito importante SEMPRE. Um segredo da MINHA vida que ninguém quer me contar!"
"Pra você ver como o 'bagulho' é injusto".
É... é muito injusto, eu em pleno sábado neste estado de dor e aflição sem remédio ou fim...
Aflita.
Aflita.
Aflita.
...
Estava lendo um texto médico onde um especialista em músculos mais especificamente, músculos do coração.
Ele falava que é perfeitamente possível a afirmativa: "coração partido", pois quando sofremos uma grande emoção, existe a possibilidade dos músculos do cuore se romperem e... Bloft!
-E então enterraram ela sabe?
-Morreu do que a coitada?
-CORAÇÃO PARTIDO!
...
Da-lhe metal!

Um comentário:

Lana disse...

oh, cadê os direitos autorais da frase???!!!hehehe
uma noite do teu lado, conversas e risos a fio é tudo o que eu preciso...
li tudo, tudinho!