sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

Long Play



Embora eu diga que não, que você era uma chato e que nunca foi legal comigo. "Foi bom enquanto durou". Só isso.
Quatro anos... e depois disso não resta muita coisa pra se dizer, nem memórias do principio da história, é aquela velha coisa de se esquecer o lado bom e só ver o ruim. Não conseguir nem ver o motivo de mais nada, o motivo de gostar nem sempre é o de estar junto.
"foi bom enquanto durou"
O tempo passou e lhe ensinei tanto, ou não?
Você aprendeu que não precisa ter medo da música, ouça, se balance e dance sem medo do que os outros pensem. E é isso, dance como se não ouvesse um amanhã para se preocupar. Dance!
Te ensinei a brincar de mimica enquanto chovia, um mimico enrolado no edredon sempre me fez rir muito! Tempo de chocolate quente, brigadeiro e filmes bons em tardes de lágrimas do céu. Bons tempos os nossos.
Aprendestes que não importa quanto tempo tenha se passado, você sempre poderá esperar o moço do algodão doce no portão, sempre será livre enquanto corre no parque e jamais deverá deixar sua mania de fazer bolhas de sabão nas tardes de domingo. Jamais.
Continue aprendendo com as crianças, como eu lhe mostrei há alguns anos... os pequenos são a única explicação lógica da existencia de Deus. Coisinhas sorridentes e felizes que sempre ensinam mais, mais e mais sobre a vida que insistimos em viver.
Mostrei pra você que estilo se compra, inteligencia jamais será posta a venda! Comprou livros que eu recomendei e fez sua lista de autores favoritos.. Leu, leu e leu e leste muito da minha alma, contos inacreditáveis que aprendeu a gostar.
Te mostrei os melhores filmes! Os mais sensíveis e inteligentes, cools e bacanas que existiam! Você comprou-os e reenvindicou para você a descoberta deles, exibiu-se como intelectual bem informado. Isso não me agradou, mas me deixou orgulhosa.
"foi bom enquanto durou"
Aprendeu que nada é em vão, tudo tem um motivo... e embora as coisas estejam dando errado para nós... eu amei você o quanto pude e me amaste como conseguiu.
Com você vi um mundo cor de anil, onde só os sonhadores eram capazes... e só onde os capazes de sonhar eram felizes.
Aprendi com você que o trabalho pode ser árduo, mas recompensa ver o resultado do esforço continuo. Em linha reta sempre andamos muito bem junto.
Me mostrou que perdoar é um dom, que você sempre soube me mostrar.
"foi bom enquanto durou"
Aprendi a não temer tristezas, valorizar os momentos felizes e sorrir diante dos problemas. Problemas problemáticas que me fizeram a lacrimejar muitas vezes, decorei que o lado direito sempre escorre uma lágrima solitária primeiro. Olhos imparciais.
Aprendi que amar e ser amado, é o único bem importante e real a ser valorizado.
Te amei sempre.
"foi bom enquanto durou"
Não deu certo. Vamos fazer o que agora? Nada. É isso. Aprendi com você que um bom final sempre nos garante um bom recomeço.
Tem tempos que deram vontade de sorrir, de chorar e estes.... o nosso tempo de juntar as malas e partir para um novo destino. Um destino só seu... onde espero (juro) que você sempre seja feliz. Felicidade é algo que vem de dentro, algo que você transmite e algo que ainda sentirei ao lembrar de nós dois nestas tardes de verão.
"foi bom enquanto durou"
Te amei. Sempre, nunca tenha duvidas, jamais.
Terminamos assim, sem lá nem cá... só nós em uma noite de vagalumes na janela e com cds a dividir. Te dou alguns, só para lembrar que era tão bom.
Agora, parto só. Vou sentir o destino se dobrando aos poucos, dando a volta no quarteirão e estacionando na minha porta... esta é a minha nova viagem, onde você não é mais o meu navegador.
Foi bom enquanto durou te amar.
Sempre.

17 comentários:

_+*A.Elite in Paris & Montpellier*+_ disse...

Como doi uma relacao que acaba... que seja por nossa culpa ou nao. partilhamos tanto com a pessoa, aprendemos, e no fundo, passamos quase a ser formatadas, nao é nao?

Bom sabado e obrigada pela visita :)

Beijo meu,

A Elite

Lana disse...

você me deixa muito, muito triste.
mas eu te amo.

SaM disse...

"Não deu certo. Vamos fazer o que agora? Nada. É isso. Aprendi com você que um bom final sempre nos garante um bom recomeço."

É isso mesmo, por vezes acabar é uma opurtunidade que a vida nos dá de recomeçar de novo, com sucesso..

BjO

SaM¨*

duarte disse...

Ahhh Tatiani, um belo texto com um tema tão triste!!! É dificil acabar coisas, mas o mais dificil ainda é continuar depois que elas acabam. Espero que você ache logo o caminho navegadora e não esqueça da bússola!!!!

Rp disse...

é a minha primeira visita...
4 anos.. já passei isso.
Se não deu certo... o Truque é levantar a cabeça!
beijinhos. Bom fim de semana

Geminiana Doce disse...

nossa toop....chorei...é que consigo snetir as coisas que vc escreve e por estar um pouco melancólica hoje também.A TPM,rsrs.
Teria como vc me nadar o texto "Manestrel" é isso?Nunca lí e gostaria muito...
Bjos,luz e um bom domingo

Giovanna disse...

Como sempre, adorei o seu texto.
Pensar no lado positivo de um namoro é complicado quando ele termina, mas o texto me fez ter vontade de terminar um namoro de quatro anos só para amadurecer.

"Foi bom enquanto durou te amar."

Até mais!

Oliver Pickwick disse...

Começar de novo. Um ótimo conto, querida Toop! E, pelo visto, bem ao seu gosto, mocinho e mocinha não ficam juntos no final.
Beijos!

O Profeta disse...

É um sonho o teu espaço...


Beijinho

Salve Jorge disse...

Foi bom enquanto durou
E há de ser o bom
O que tiver de ficar
Mesmo mudado o tom
Nem tudo levou
Ainda resta um lugar
E o contraponto
Desse conto
É que a vida é a arte do encontro
Mesmo com tanto desencontro
Já dizia o Vinicius
Sobre os nossos vícios
Tão bonitos quanto imprecisos
Para sermos preciosos
Nessas mudanças constantes
Desejosos amantes
Esquecidos das vicissitudes dos instantes...

Divinius disse...

Gostei de ler:)
A LUZ QUE TE DEIXO É DA COR DA MINHA VIDA...)

Geminiana Doce disse...

Toop...Obrigada pelo texto...eu amei...
Bjos e luz

Diva disse...

Nao deu certo? E dai? K se lixe... amaste!!! Isso e o que interessa o resto sao conversas...lindo cantinho tens aqui... adoro a tua sensibilidade garota. Adicionei-te.
Bjs meus

forever disse...

que lindo seu jeito de encarar um fim,
eu teria sido mais dramática...rs
mas vou tentar me espelhar em você daqui em diante.
muitos beijoss

Heloo disse...

Tbm pensso assim. seu texto é muito lindo.gostei mais graças a deus eu naum to nessa fazee..alias o poema de vinicius de moraes no meu blog é pro meu namorado..

uhauhsa...sim sim apaixonadissimaa..mais sorte pra você..Outros amores viram...;)

Parabens Adorei su blog...

bejo até mais.=)

Aline disse...

E a vida é assim, constante aprendizado. Aprendemos e ensinamos tanto, num relacionamento longo como esse então...
Agora é pegar o que aprendeu e seguir em frente, linda leve e solta à procura de mais conhecimento!

Bjm moça

Anônimo disse...

intiresno muito, obrigado