domingo, 11 de janeiro de 2009

Outra vez


E pensar que eu poderia viver a vida inteirinha sem ele, sem tocar nele, sem dizer “bom dia”, sem me preocupar se ele está vivo ou morto e sem sentir este estranho ciuminho infantil que algumas vezes deixa a minha vista turva de tanta raiva.
Nunca o amei, nunca quis amá-lo e que Deus me ajude que meu coração cheio de tolas esperanças não se entregue para ele.
Ok. Confesso que já passamos por muitas confusões separados, que nossos nomes andaram vinculados durante algum tempo e que até admito que meio mundo ainda tenha duvidas de quem estragou a vida de quem.
Estragaria tudo outra vez se eu tivesse direito de escolha. Estragaria bem mais.
Mas mesmo depois do tempo, dos outros, da outra (blé) dele e todas as outras confusões que saímos por cima. Fica a sensação (quase certeza) que nunca vou conseguir agir normal quando estou com ele, que sempre vou olhar por sobre o ombro de quem quer que eu esteja acompanhada só para ver se ele continua por lá e que sou dotada de umas esquisitices que beiram grosseiramente a loucura. Ai de mim.
Posso ser surtada. Mas sei que sempre que ele pode, olha minhas catástrofes amorosas com um sorriso sádico de quem diz: “eu sabia”. Que durante toda a minha compulsão eu danço, canto, pulo e rezo para que o mundo acabe enquanto tudo está brilhando e reluzindo com a minha felicidade, ele acende mais um cigarro e espera que eu me canse para me oferecer mais uma cerveja.
Eu surto porque o mundo me deixa nervosa, porque as pessoas não fazem a parte delas nesta imensa roda gigante, porque as pessoas deixam de amar, porque as pessoas quando amam não lutam, porque eu não consigo mais não me meter em confusão e nem me desapaixonar ...Porque... Porque eu surtei outra vez.
Ui.

9 comentários:

Maria Fernanda disse...

Feliz ano novo,

saudades de te ler.

Nataliinha disse...

Vc tá sumiida .

Beijos =)

Vanessa disse...

Viva a insanidade.

=]

Daah O. disse...

Vixi, então somos duas.
Tbm estou surtando, e talvez... pelo mesmo motivo que o seu!

Dani Abadie disse...

Acho que já usei muitas dessas frases em situações diferentes, vai ver foi por isso que gostei de ouvi-las mais uma vez.. ^^
Ótimo final de semana pra ti..

=)

Geminiana Doce disse...

"Eu surto porque o mundo me deixa nervosa, porque as pessoas não fazem a parte delas nesta imensa roda gigante, porque as pessoas deixam de amar, porque as pessoas quando amam não lutam, porque eu não consigo mais não me meter em confusão e nem me desapaixonar..."
Estar apaixonada é tão bom,viva esse momento lindona,tenta relaxar!!!
Te procurei no outro blog e vc voltou para esse,deixou a Geminiana aqui louquinha,rsrs.
Adoro ler seus escritos...
Bjos e Luz

Everton Amaro disse...

- Não reinvindique algo que as pessoas não têm, nem por elas próprias.

camila, camila disse...

oi, obrigada pelo comentario! :)
alias, como me achou nesse mundo de blogs?
bom encontrar uma gaucha! e gostei muito de te ler, escreva sempre!
bjusss

Nathália disse...

"porque as pessoas quando amam não lutam"
Eu acho que teria um texto para falar sobre esta frase.