segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Ema...ema



“Quer saber o valor de uma pessoa? Pense em perdê-la”

E foi com esta frase manjada, que minha amiga tentou resgatar um pouco da sanidade que eu tinha dentro do meu coração, eu tinha e a perdi por aí. Devo ter esquecido no bolso de alguém. Um pouco da noção que a minha mãe me deu quando eu nasci, mas os anos passaram e a vontade de ser normal também. E... Respondi a minha amiga, assim:
- Quer saber!??? Vai é tarde! [...]
E sim, eu o amei muito e até por um tempo considerável. E não, não me sinto mal em desejar do fundo do coração: “má vá!”
As pessoas precisam respirar novos ares, provar sabores diferentes, conhecer novos lugares, sentir novas sensações... Enfim, o amor é bom para quem é bom, eu sou do sul profundo e não me dou bem em relacionamentos. Conformo-me com isso e sigo o meu caminho cantarolando para os passarinhos verdes dos ombros alheios.
Ok. Ando infernal, e isso passa logo. É fase, é fato e quase um fardo! Mas se eu não aproveitar pra viver agora tudo o que a vida tem me oferecido, ninguém vai viver!
Quem vive a minha vida sou eu. E o que as pessoas pensam de mim, não me interessa! Não só não me importa, como acho que “ema ema, cada um com os seus problema”.
E eu com o meu caos. :p

7 comentários:

Salve Jorge disse...

Achei que você ia dizer que tinha virado ema.. (feminino de emo e não o pássaro).. rs

Tanto que se vai
Tanto que esvai
É.. vai
Mas mesmo se sai
Você sobressai
Que os mais belos palácios
Também hão de ser ruínas...

forever disse...

Mesmo porque cada um tem seus vários e múltiplos e diversificados menos ou mais intensos problemas. Que os seus sejam como a folha que a brisa leve que sopra carrega formando círculos bonitos no céu...

Gabi Magnani disse...

Bola pra frente garota! Sempre esteja de bom humor, porque assim os problemas vão ficar do jeitinho que são: pequenos e insignificantes (Como diria a CAPRICHO, heheheh) Um beijooo e não se abale por pouco

Imaginary Decadence disse...

Uau,sinceridade incrível!!!
E,aliás,te entendo bem:não soua pessoa ideal para relacionamentos perfeitos...nenum tipo de relaconmento,aliás.Alguns me chamam de fria,mas cabe mais a mim a palavra independente,pelo memo 7 em 10 vezes,imagino.Mas é meu jeito,como vc definiu bem...

Ah,e retribuindo a retribuição á visita...Sói não voltei antes por não etar usando o blog...


Beijos!

Will disse...

ando infernal e isso passa logo!exatamente isso que eu tava pensando esses dias sobre minha atual fase ou fardo não é?
assim como vocÊ bem expressou no texto oque as pensam de mim não interessa também , o fato é que uma hora os problemas passam ou tendem a ser menores !! curti seu blog achei ele de maneira curiosa depois eu conto da uma passada no meu

www.ruivosuburbano.blogspot.com

BetA disse...

"eu sou do sul profundo"

só lembrei do little nicky "deep south" auhauhau

normal.sou do cerrado e (qse) tão fria e caótica qnto vc...

deixo outra frase pro seu repertorio: "só sabemos a profundidade de um vínculo qndo ele se rompe"
mas...
"tudo passa"

se essas não funcionarem essa aqui com certeza funciona:
"mais vodca por favor!"haha


=)

***

Joey disse...

Adorei como você escreve...
Desculpa comentar do nada,
achei teu blog sem querer.

"o amor é bom para quem é bom"
Ótimo!